DEUS PROVA PARA APROVAR

TIAGO 1

12 Bem-aventurado o homem que suporta a provação; porque, depois de aprovado, receberá a coroa da vida, que o Senhor prometeu aos que o amam.

13 Ninguém, sendo tentado, diga: Sou tentado por Deus; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e ele a ninguém tenta.

14 Cada um, porém, é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência;

15 então a concupiscência, havendo concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte.

Deus é Santo, logo, não tenta a ninguém, pois Deus apenas prova para poder aprovar. O homem quando suporta a provação, recebe o galardão de Deus, pois é de Deus o galardoar aqueles que são aprovados.

A tentação vem do próprio homem, de seus desejos mundanos e carnais, de sua própria cobiça.

Quando o homem dentro de si deseja o que não lhe é devido, convém não fermentar este sentimento, então, não se deve fermentar os pensamentos que contribuem para o seu crescimento.

Até um certo limite o homem consegue dominar as suas paixões, mas se permitir crescer muito, o homem perderá o controle de suas emoções e passará a ser dominado por esta mesma paixão inicial, e a consequência de tal descontrole (a perda de controle) leva o homem ao pecado e por consequência o pecado gera no homem, a morte.

Como exemplo temos a história de Caim e Abel.

Caim tinha um sentimento pecaminoso, a inveja de seu próprio irmão.

Deus o advertiu que ao invés de alimentar esta inveja, que admitisse que Abel estava muito mais propício à aceitação de Deus devido a sua obediência e que Caim, ao contrário, demonstrava rebeldia a reconhecer isto.

Infelizmente no desenrolar desta história vemos que Caim, cada vez mais com um coração endurecido pelo ciúmes, logo se viu dominado pelo seu sentimento pecaminoso, que logo o levaria ao ato de pecar contra Deus e contra seu irmão.

Temos que, Caim matou a Abel.

Nós somos tentados pelos nossos próprios sentimentos, o coração do homem é mau continuamente, porém, se ele der ouvidos ao Espírito de Deus, ele pode ser transformado em seu interior e regenerado em seus sentimentos.

Ele amadurece e se fortalece com as instruções de Deus, podendo chegar ao controle, até mesmo de sua fala. Pois, se um homem consegue ter o domínio de sua própria língua, já aprendeu a dominar todo o seu corpo, suas emoções.

Que possamos aprender com Jesus.

Shalom

//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

%d blogueiros gostam disto: